Greater Rifts (Fendas Maiores) chegam ao patch 2.1.0 e trarão um desafio e tanto!

11 de julho de 2014 NotíciasReaper of Souls  Sem comentários

greater-rift

Um novo tipo de rift (fenda), chamado Greater Rift (Fenda Maior) será adicionado à Reaper of Souls com o lançamento do patch 2.1.0. Para acessar um Greater Rift o jogador deverá, primeiramente, completar um Rift convencional em qualquer dificuldade. Ao derrotar o guardião do Rift ele poderá dropar uma Greater Rift Key (Chave de Fenda Nefalem). É esta chave que deve ser utilizada para ingressar em um Greater Rift, o qual também é acessado através do Obelisco localizado nas cidades. Caso você esteja jogando em grupo, cada jogador deve utilizar uma chave própria para participar do desafio.

Como funciona um Greater Rift?!

  • O progresso no desafio é medido tanto pela quantidade de monstros derrotados, quanto por um cronômetro;
  • Nenhum inimigo dropa tesouro, ao invés disso toda a recompensa será dropada pelo guardião do Greater Rift;
  • Dependendo do poder do monstro, ele vai lhe dar maior ou menor progresso no Greater Rift;
  • Não é possível ressuscitar seu personagem na cidade ou no próprio corpo. Você sempre deve ressuscitar no último checkpoint;
  • Não é possível utilizar teletransporte para um jogador que estiver dentro de um Greater Rift;
  • A dificuldade de um Greater Rift é escalável, ou seja, vai aumentando na medida que você vai avançando no desafio.

Legendary Gems

Completar um Greater Rift, além de muito difícil, também é recompensador. Os jogadores que passarem pelo desafio tem a possibilidade de encontrar uma Legendary Gem (Gema Lendária), as quais podem ser infinitamente melhoradas e adicionam poderes lendários a anéis e amuletos. Sim, essas gemas só podem ser inseridas nas jóias.

Essas gemas podem ser melhoradas ao se completar Greater Rifts adicionais. Quanto mais longe você for, maior será a melhoria da sua gema. Bacana, não é?!

 

Deixa uma resposta

Você pode usar tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>